AMSTERDAM ROTEIRO DE 3 DIAS


Roteiro de 3 dias em Amsterdam

HOLANDA

Maior cidade e capital da Holanda, Amsterdam sem sombra de dúvidas foi a cidade mais eclética que conhecemos em todas as viagens. Cosmopolita com diversão para todos os gostos. Onde no mundo você encontra características tão diferentes em uma só cidade? Uma região cortada por canais, algumas moradias flutuantes, com aproximadamente 800 mil habitantes que na sua maioria utilizam bicicletas para se locomoverem, tem um bairro turístico chamado Red Light (veja a seguir) e no meio de toda agitação do centro da cidade tem um pacato condomínio onde vivem senhoras solteiras e viúvas católicas que dedicam-se a trabalhos de caridade. Tão extraordinária e diversificada nos faz pensar: Amsterdam é única.


Tivemos a felicidade em conhecer a cidade porque compramos nossa passagem pela companhia aérea holandesa KLM  para outro destino da Europa e aproveitamos para incluir o stop over, ou seja, uma parada grátis em Amsterdam, no retorno para o Brasil. Adoramos a companhia, tripulação super atenciosa, serviço maravilhoso (refeição e filmes) e avião bem confortável. Até que as 11 horas de viagem não foram tão massacrante como imaginávamos. Com certeza uma das melhores empresas que já voamos.

Do aeroporto para o centro de Amsterdam:

O aeroporto internacional de Amsterdam - Schiphol é o maior da Europa, um dos mais modernos e a casa da companhia aérea da KLM, que realiza voos diretos para Amsterdam com partidas das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. O terminal está ligado ao Schiphol Plaza, um centro comercial com balcão de informação, guichês de venda de transporte ferroviário, lanchonetes, lojas, guada- volumes. Tudo com muita sinalização com conta também com o idioma inglês. Todo o aeroporto tem wi-fi grátis.
Como várias cidades da Europa é normal usar o transporte público para o deslocamento até a cidade. Lembre-se país rico é aquele onde as pessoas utilizam transporte público como meio de transporte. Gostaria que no Brasil fosse assim, mas...
Como nosso voo chegava pela manhã não pensei 2 vezes, o trem foi a nossa escolha. 
*Trem aeroporto- Estação Centraal (principal estação da cidade onde você pega os bondes, melhor o tram até qualquer lugar da cidade):
Saindo do desembarque siga as placas ´´ Centraal Station``.
Chegando na estação do trem,  você terá que comprar o ticket.
-Máquinas amarelas: pagamento com cartão ou moedas.
-Guichê: pagamento com notas.

HOLANDA
TICKET TREM AEROPORTO-CIDADE
A viagem dura em torno de 15 minutos. Na estação Centraal, compre nas máquinas ou guichês o passe para o tram, poderá ser de 1 dia, 48 hs... Compramos somente a viagem de ida, já que nosso voo de partida foi bem cedo, então preferimos contratar um transfer com o hotel, valor: 54 euros.
Verifique com seu hotel qual tram (bonde) passa próximo.
Os pontos do bonde (tram) e ônibus ficam em frente a saída sul da estação Centraal.


Como usar o Tram: 

HOLANDA


Uns dos meios de transportes mais usados de Amsterdam o outro é a bicicleta. Mas para quem não liga de andar, os principais pontos turísticos da cidade ficam próximos, dá para fazer andando.Compramos um passe de 48 horas e quando expirou passamos a andar a pé, já que tudo era próximo do hotel.

HOLANDA
TICKET TRAM AMSTERDAM
Para usá-lo não esqueça que é necessário encostar o cartão nos leitores magnéticos na entrada e na saída do tram. Caso contrário o cartão poderá não funcionar em viagens futuras.
As estações são anunciadas no auto-falante mas como não entendemos nada de holandês não adiantou de nada, nossa sorte foi que tinha o painel eletrônico com o nome da estação.
Para soltar aperte o botão verde ao lado da porta e quando parar aperte novamente para a porta abrir. E não esqueça de encostar o cartão na saída!


Os trams vão e voltam  na mesma rua com o mesmo número. Caso erre a direção, solte e pegue no sentido contrário.

Trams que passam nos principais pontos turísticos:
*Linha 14: 
Pontos turísticos: Hermitagem, Praça Rembrandtplein, Praça Dam, Museu Anne Frank.

*Linha 5:
Museumplein, Leidseplein, Beginhof, Estação Centraal.


Hotel em Amsterdam:

Escolhemos um hotel próximo aos principais pontos turísticos e que fosse de fácil acesso para os trams e estação Centraal. Após pesquisas verifiquei que ao redor da Praça Rembrandtplein seria um bom lugar para hospedagem. Então escolhemos o Hotel Nes com excelente localização, com um bom valor,  próximo de tudo, conhecemos a maioria das atrações caminhando, só usamos o trams porque tínhamos o passe de 48 horas.
Antes de mais nada tenha em mente de que Amsterdam é uma cidade cara, então hospedagem também serão caros, ok... Planeje-se e reserve com bastante antecedência. 
Outros hotéis em Amsterdam acesse o  Booking.com .
Endereço: Klovenierburgwal 137-139. O hotel é simples, porém limpo, confortável e com ótima localização.

Hotel bem indicado por amigos: Park Hotel Amsterdam

 Faça sua busca de hotéis  na caixas do Booking.com  localizado neste blog. Somos afiliado e o blog ganha uma pequena comissão das reservas efetuadas a partir daqui. Você não pagará nada a mais por isso. Obrigada.






Mapa dos pontos turísticos de Amsterdam (só não coloquei Zaanse Chans, que fica fora da cidade): 


Ao lado de Museumplein está o  Parque Vondelpark.


Roteiro:

1º Dia:

Chegamos às 11:00 pegamos o trem até a Estação Centraal, que de tão linda torna-se um ponto turístico na cidade.


HOLANDA


Depois pegamos o tram que após pesquisas parava na porta do hotel. Porém aconteceu um fato que hoje posso chamar de engraçado mas no dia foi bem cansativo. Chegamos em plena Parada Gay da cidade. Já sabia que iria ter o evento, mas não imaginava a grandiosidade. Gente, a parada gay em Amsterdam é o mesmo que o carnaval no Brasil! Sendo que o desfile é nos canais, os carros alegóricos são os barcos e a competição é qual barco mais fantasiado e animado.
HOLANDA
Parada gay de Amsterdam


 Já na estação Centraal sentimos o impacto da festa, um verdadeiro tumulto, totalmente diferente da tranquilidade que a cidade passa.  Então pegamos o tram. Observei que estava demorando para chegar na nossa parada,  resolvi perguntar para um senhor sobre e simplesmente ele informou que teria que descer e ir andando porque em virtude da festa o tram faria outro percusso e no local onde localizava-se meu hotel estava com as ruas fechadas para veículos. Resumindo descemos com 4 malas e fomos andando no meio da multidão, pois nem táxi passava no local. Na hora foi tenso... 
Coisas que acontecem em viagem e que depois transformam-se em belas piadas.

Deixamos as malas no quarto e fomos almoçar em uma lanchonete nos arredores da Praça Rembrandtplein.
Após o almoço partimos  à pé mesmo para o primeiro ponto turístico. Com o mapa na mão é muito fácil deslocar-se pela cidade.

* Heineken Experience:

HOLANDA
HEINEKEN EXPERIENCE

Endereço: Stadhouderskade,78.
Esse tour é um dos passeios imperdíveis da cidade, para quem bebe então... O tour tem 3 partes, mas este passeio merece um post somente com este tema, aguardem...
AMSTERDAM
HEINEKEN EXPERIENCE


Tem duração de aproximadamente 1 hora. Compramos os tickets e  recebemos uma pulseira verde com dois pins (botões), onde no final do tour cada pin equivale a uma taça de cerveja. No caso das crianças a pulseira é vermelha com 2 pins para 2 refrigerantes.
Valores:
Adultos: 16 euros
12-17 anos: 12,50 euros (somente acompanhado de um adulto)
menos de 12 anos: grátis


Importante:

No final do tour vá no guichê e mostre o ticket do tour, pegue o ticket do barco que te levará para a loja da Heineken. O barco sai em frente ao local. Mas o horário é de 13:00 às 19:00.
Loja da Heineken:
Endereço: Amstelstraat,31.


*Passeio de barco em Amsterdam:

O que faz de Amsterdam uma cidade tão diferente e charmosa?

Uma das respostas são  seus canais. Os passeios de barco nos permite ver a cidade de outro ângulo. Visitar a cidade e não fazer esse passeio, não tem graça, concordam?

Então essa é minha dica preciosa caso vá fazer o Heineken Experience. Quer economizar alguns euros?
O ticket do Heineken Experience dá direito a pegar o barco da Heineken em frente ao local (grátis) e te leva até a loja da Heineken em outro local. O passeio dura em torno de 20 minutos com direito a voltar para o mesmo local. Posso dizer uma coisa, não perde para outros tours pagos. Melhor de tudo, no barco é estilo restaurante com mesinhas e vende cerveja, refrigerantes e petiscos, então é só curtir. Passa pelos canais mais famosos da cidade.
HOLANDA
PASSEIO DE BARCO AMSTERDAM


Obs:  Existem diversas empresas espalhadas pelos canais que realizam o passeio de barco. Em frente a própria Heineken tem um.  Os preços variam pelo tipo de passeio que você escolher. Nós ficamos satisfeitos com o passeio da Heineken mesmo.


*Loja Heineken:


Daí você deverá estar se perguntando, porque deveria ir na loja se não quero comprar nada e na própria Heineken Experience tem loja?
Já dei um motivo que é o passeio de barco, grátis! O outro motivo é que na loja você ganha uma taça da Heineken, até as crianças ganham. Quem não gosta de carregar uma lembrança? Eu adoro, no nosso caso foram 4 taças. Tão bom que não é uma super taça, mas é uma lembrança!

Voltamos de barco para Heineken Experience e caminhamos até o hotel.

*Red Light:

Também conhecido como Rosse Buurt, é o bairro de Amsterdam onde as mulheres oferecem seus ´´serviços`` pelas vitrines das lojas. 
As 19:00 horas fomos conhecer a famosa Red Light ou bairro da Luz Vermelha em De Wallen. Realmente Amsterdam é uma cidade diferente de tudo que conhecíamos. Um bairro  boêmio, com arquitetura do século XIV e várias lojas com vitrines onde o principal objeto de vendas são  garotas de programa, isso mesmo a prostituição é liberada, mas a coisa flui de maneira tão natural que não chega a  ser agressivo. As vitrines são portas onde a pessoa escolhe a garota de programa abre a porta e entra, então fecha-se uma cortina na vitrine e...
HOLANDA

 E não pense que o lugar é bagunçado. É tudo tratado com a maior naturalidade, tem turistas e residentes circulando normalmente. É bem interessante. A maioria da ´´lojas``começam a funcionar quando escurece. Então programe-se para conhecer ao anoitecer. Chegamos lá em torno das 20:30 horas, mas por incrível que pareça 21:30 e nada de escurecer.
Importante: Não é permitido fotografar as garotas de programa na vitrine.
AMSTERDAM



2º Dia:

*Casa de Anne Frank:

AMSTERDAM
Na realidade não era a casa, era o prédio da empresa de seu pai, onde o anexo foi esconderijo da família durante a Segunda Guerra e a pequena Anne escreveu um diário sobre o dia a dia de clausura. 
O lugar é bem comovente. Visita-se o anexo secreto onde era seu quarto, escritas em paredes, alguns objetos e outros cômodos do local. Vale muito a pena.
O tour é bem procurado, então recomendo comprar antecipadamente pela internet. Compramos assim que abriu disponibilidade (3 meses antes) e marcamos para os primeiros horários, 9:00 horas.
Recomendo muito a compra pela internet, pois quando chegamos no local observamos duas filas, uma gigantesca para comprar o ticket e outra bem menor para quem já estava com ticket comprado.
Pagamos 9,50 euros, já com taxa. Para mais informações e compra de tickets acesse o site:Museu Anne Frank
Não pode tirar fotos do local.
Endereço: Prinsengracht, 267. Bairro Jordan.


*Museu casa flutuante:

Ao lado do Museu Anne Frank tem um museu que é uma casa flutuante. Gostaria muito de conhecer este tipo de moradia mas neste dia estava fechado.
HOLANDA
CASA FLUTUANTE AMSTERDAM



ÀS 10:30 já estávamos liberados e fomos de tram em direção a estação Centraal em direção para Zaanse Chans.

*Zaanse Chans:

HOLANDA


É uma vila típica holandesa com moinhos, fábricas de queijo, casinhas holandesas e uma mini fazendinha. Localizada ao norte de Amsterdam, atrai turistas interessados em conhecer os famosos moinhos holandeses.

Como chegar:
Na estação Centraal, compre ticket do trem  na guichê, na máquina só aceita cartão ou moedas. Peça ticket ida/volta para Koog-Zaandijk (não precisa falar, apenas mostre o nome da estação, rsrs). A viagem dura em torno de 15 minutos. A estação é a quarta parada. 
Chegando na estação Koog-Zaandijk siga as placas para Zaanse Chans (desça a escada vire a esquerda. Na saída da estação siga a rua atá o final e depois vire a esquerda. No moinho vire a direita e atravesse a ponte. Caso soe uma sirene ou um sinal vermelho, espere pois a ponte se abrirá para passar embarcações de grande porte. Desta ponte já dá para avistar os moinhos. É lindo! Aproximadamente 8 minutos de caminhada.


HOLANDA


Circule pela vila e curta ambiente. O local é perfeito para alugar bicicleta. Muito legal. Só não dá para curtir o cheiro. Quando bate o vento vem um cheiro desagradável de queijo.
No retorno para Amsterdam pegue o mesmo caminho de volta e não esqueça de validar o ticket do trem.

Outro lugar que merece um post isolado, aguardem!

Já ouviram falar da mega loja Primark? Conhecemos em Londres. Essa loja é tudo na Europa. É tipo uma Ross nos Estados Unidos. Pois é, em Amsterdam tem! Porém não fica na cidade, um brasileiro residente que conhecemos lá disse que estava para inaugurar uma no centro de Amsterdam...
Então, a Primark fica no caminho para Zaans. Na volta solte na estação Den Helder  em Zaandan. Ande 2 minutos e você chegará no paraíso,rsrs. Depois é só voltar para estação de trem e ir em direção a estação Centraal.
Endereço: Ankersmidplein, 7 Zaandam.

*Praça Dam:

Chegando na estação Centraal fomos em direção a Praça Dam. No caminho tem várias lojas (onde vende-se lembranças mais em conta) e restaurantes. Almoçamos ali em um restaurante argentino, isso mesmo, argentino. 


Pontos turísticos no local :

-Palácio Real

AMSTERDAM




-Igreja Nieuwe Kerk 



AMSTERDAM

-Obelisco: 

Monumento em homenagem as vítimas da Segunda Guerra Mundial.


HOLANDA

-Museu de Cera Madame Tussauds

HOLANDA



Compras:

-Ruas Kalverstraat, Leidsestrat e Nieuwendijk: Tipo H&M, Zara e Forever. Não achei a cidade ideal para compras, mas a gente sempre acha alguma coisinha...


 No caminho para o hotel passamos  (apenas para saber o local exato) em Beginhof que fica atrás da praça Dam , não entramos porque fecha ás 17:00. Mas observamos que em frente ao local, na praça Spui, tem um restaurante de frutos do mar que parecia ser maravilhoso e marcamos de almoçar no dia seguinte ali.


*Praça Rembrandt:

Localizada ao lado do nosso hotel. É uma praça bem movimentada com muitos restaurantes. Li que tem uma obra de Rembrandt no centro da praça, porém não conhecemos, isolaram por conta da parado gay.


AMSTERDAM
Estátua de Rembrandt



3º Dia:

Pegamos o tram LH 5 e fomos para:

*Museumplein:

Onde estão os museus Van Gogh e Rijksmuseum além da famosa placa ´´ I Amsterdam`` . É conhecida como a Praça dos Museus.
O local respira cultura. Possui um enorme jardim com esculturas expostas e objetos de arte.


AMSTERDAM



*Placa  ´´I Amsterdam``:

Em frente ao Rijksmuseum é o cartão postal da cidade, motivo esse de sempre estar lotado. Chegue cedo pela tirar a disputada foto, mas não pense que o letreiro será somente seu, sempre terá uma meia dúzia de pessoas tentando o mesmo que você. Chegamos no local aproximadamente 9:30, em se tratando de alta temporada até que conseguimos tirar uma foto legal!
Veja foto de capa do post.



*Museu Rijksmuseum: 

Museu de arte moderna, só a visita externa já vale, o prédio é lindo. Não entramos optamos em visitar o Museu Van Gogh.
AMSTERDAM




*Museu Van Gogh:


Ao lado da placa ´´ I Amsterdam`` tem um guichê com letreiro ´´Zaans Museum``que vende as entradas dos museus. Por sorte compramos os tickets  ali mesmo porque a fila no museu estava bem cheia. Entramos numa pequena fila de pessoas que já possuíam entrada. 

AMSTERDAM


AMSTERDAM

 O museu tem a maior coleção de obras do pintor holandês Vicent Van Gogh. Visitar Amsterdam e não conhecer os famosos quadros: O quadro,  Auto-retrato e Girassóis, entre tantos outros, impossível.
O local possui áudio guia. Reserve pelo menos 1:30 a 2 horas para essa visita. São três andares de exposição.
Só é permitido fotos dos painéis localizado nos corredores.
Importante : 0-17 anos grátis.
Na época pagamos 17 euros mas vale a pena entrar no site e conferir o valor. Para saber mais: Museu Van Gogh
No térreo tem a  loja do museu que vende livros, cartazes, painéis e lembranças.





Saímos do Van Gogh e fomos caminhando em direção:

*Vondelpark:

AMSTERDAM

É o mais famoso parque de Amsterdam, cujo nome foi em homenagem ao escritor do século XVIII, Joost van del Vondel. Está para Amsterdam e os turista assim como o Central Park para Nova York. Atrai muitos turistas e locais. No verão o local é bem florido e tem várias pessoas fazendo piquenique, andando de bicicleta ou apenas relaxando. Como já estávamos na véspera do final da nossa eurotrip, resolvemos parar  e fazer o mesmo que a maioria, relaxar.

Atravessamos o parque e saímos  em frente a :

*Praça Leidseplein:

Ao lado do Vondelpark, possui muitos restaurantes, cafés e lojas. Mas é só isso.

Preferimos pegar o tram Lh 5 e soltar próximo a praça Spiu onde localiza-se a nossa última atração turística de Amsterdam:

*Begijnhof:


AMSTERDAM


Lembra que no início do post escrevi que Amsterdam é uma cidade eclética? Pois é, uma cidade bem louca possui no centro um condomínio bem escondido e tranquilo, difícil até de encontrar, que te faz esquecer que está numa cidade agitada.
Também conhecido como Jardim das Beguinas, é um escondido condomínio com moradias onde vivem senhoras viúvas e solteiras que realizam trabalhos de caridade.
O local parece uma mini cidade, com uma igrejinha e um lindo jardim no meio.
Apesar de estar no centro da cidade o local tem uma paz... Evite falar alto. 
Dizem que neste local tem  casas do século XVI, as mais antigas da cidade. A número 34 tem a fachada com madeira original.
HOLANDA


Como chegar:
Trams 1,2 e 5. Praça Spui. Não é fácil descobrir o local porque seu acesso é através de uma porta de madeira, como se fosse uma porta de apartamento. 
Nesta praça tem um loja com o letreiro grande escrito American Book Center. A porta de madeira fica ao lado desta loja.


HOLANDA


Saindo da tranquilidade abrimos a porta e em um passo estávamos de volta para agitação. 


*Restaurante The Seafood bar:

HOLANDA

Almoçamos no restaurante de frutos do mar The Seafood Bar na praça Spui (quase em frente ao Begijnhof), não tem  erro, nesta categoria é o único do local. Maravilhoso!
HOLANDA


Passamos o resto da tarde caminhando pelo comércio e pelas ruas de cidade, apreciando os canais, sua pontes floridas e a calmaria da cidade. Jantamos próximo a Praça Rembrandt. 
Assim finalizamos nosso roteiro em Amsterdam. Pois no outro dia partimos pela manhã.


*Vídeo com alguns pontos turísticos de Amsterdam:



Dicas:

*Os holandeses adoram uma bicicleta e passam esse costume para os visitantes, não deixe de alugar uma magrela que circular pela cidade.

*Melhor época para visitar a cidade. A Holanda é um país bem frio, então para curtir o astral da cidade, escolha entre os meses de abril a setembro, quando os dias se estendem até as 22:00 horas e as pessoas costumam andar pela cidade, tornando um local mais alegre com temperaturas agradáveis.

*Assim como toda a Europa, turistas não precisam de visto por até 3 meses de permanência no país, mas o passaporte tem que ter validade de 3 meses. Além desse período ou para estudar e trabalhar é preciso tirar o visto.

I Amsterdam Card : Cartão de benefícios que oferece transporte gratuito, um passeio de barco nos canais, entrada nos principais museus da cidade, como o Van Gogh e descontos em atrações turísticas e aluguel de bicicleta.

*Comprando sua passagem pela companhia aérea holandesa KLM , caso sua viagem seja para outro destino, você pode incluir o stop over, ou seja, uma parada grátis em Amsterdam de um ou mais dias na ida ou na volta. Voamos na empresa e adoramos a companhia, tripulação super atenciosa, serviço maravilhoso e avião bem confortável. Com certeza uma das melhores empresas que já voamos.

*Parque Keukenhof:

Arquivo blog Turista Fulltime


-A Holanda é conhecida mundialmente pela beleza de suas tulipas. Não é porque visitei Amsterdam no verão que não vou citar a época mais encantadora para visitar o país. Afinal minha finalidade é compartilhar dicas... Com o início da primavera, o país torna-se mais belo e alegre. Para felicidade de turistas, o parque Keukenhof localizado na cidade de Lisse aproximadamente 37 Km de Amsterdam abre suas portas para que todos presencie um espetáculo da natureza. Nada menos que 37 hectares com plantações de tulipas, bulbos  e jardins floridos. Vale a pena conferir no blog Turista fulltime da amiga Regina os posts sobre o assunto:
Keukenhof-2016
Keukenhof-2015-esta-aberta-a-temporada-das-flores
Vamos-correr-entre-tulipas

*Visitamos a cidade no verão e mesmo assim pegamos temperatura de 17º C. Seja qual for a época do ano leve roupa de frio.
*O meio de transporte mais usado da cidade é a bicicleta, então muito cuidado ao andar pelas ruas de Amsterdam.
*Se tiver sobrando tempo aproveite e alugue uma bike, deve ser delicioso andar de com calma pelas ruas da cidade. No nosso caso não sobrou tempo mesmo. Mas gostaria...
HOLANDA


*Durante o verão escurece aproximadamente às 22:00 horas. Então caso queira conhecer o Bairro Red Light vá quando anoitecer, relaxa é seguro!

Tags: O que fazer em Amsterdam , Dicas de viagem Amsterdam ,  Atrações em Amsterdam .


E por fim não poderia deixar de indicar uma verdadeira enciclopédia sobre Amsterdam, o blog: Ducs Amsterdam do Daniel , um brasileiro que mora na cidade. Com certeza me ajudou muito em minhas pesquisas.

No mais adoramos o astral descontraído da cidade e agora podemos falar que:

We are Amsterdam!


HOLANDA







Alugue seu carro na Rentcars.com, pague no Brasil sem cobrança de IOF. Reserve pelos banners do blog, recebemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso. Obrigado.



Acompanhe nossas viagens pelas redes sociais:

    FACEBOOK  /   INSTAGRAM  /   G+ /  YOU TUBE



Saúde, paz e fé!





3 comentários:

  1. Adorei as dicas e seu blog está muito legal! Amo viajar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Amsterdam é uma cidade encantadora que vale a pena visitar.

      Excluir
  2. Amei suas dicas e quero visitar a cidade em breve. bjs

    ResponderExcluir

Compartilhe conosco suas dúvidas, comentários e dicas. Será muito importante para o Fourtrip. Terei o maior prazer em responder.