JALAPÃO EM OITO DICAS



Tocantins
Os encantos do Jalapão, Tocantins, Brasil.


"O Jalapão é bruto ...
É quente, muito quente, é abafado e seco. Muita poeira vermelha. A estrada de terra é uma aventura, que torna as distâncias ainda maiores entre si, exige muita habilidade e tração nas 4 rodas.
O Jalapão é rústico e poético também - tem uma beleza misteriosa, envolvente!"

Palavras da amiga e nova colaboradora do Four Trip, a fotógrafa de viagens Lu Mattos. Em sua recente viagem ao Jalapão, ela fotografou e encantou-se com os cenários deste pedacinho do cerrado brasileiro.

Que tal um giro de 360° para ver suas maravilhosas descobertas nos 4 dias em 1.200 km percorridos neste paraíso escondido no lado leste do Tocantins; cortado por rios, riachos, ribeirões, sempre de água fresca e cristalina.

Leia o post e veja oito fortes motivos para você colocar na sua lista mais esse destino brasileiro.



1. Cânion Sussuapara e as cachoeiras do Rio Soninho:


A cerca de 15km da cidade de Ponte Alta, está minha primeira parada no Jalapão.
O cânion é uma fenda de cerca de 25 metros de profundidade, com raízes e samambaias nativas penduradas nos paredões e uma queda d'água de uns 5 metros de altura que garante um banho refrescante!
Tocantins
Cânion Sussuapara

Conta uma lenda encantada que algumas pedrinhas brancas no chão são desejos vazios e, se você encontrar uma, faça seu pedido de coração e a coloque no muro! Mas só vale um pedido!
Logo ali ao lado, estão as cachoeiras do Rio Soninho

*Cachoeira Grande :  só os muito radicais se aventuram a nadar...
Jalapão
Rio Soninho, Jalapão.


*Cachoeira Pequena: localizada sobre uma laje de pedra, com água tranquila, cristalina e geladinha, impossível  resistir e bem difícil  querer ir embora!


Jalapão
Cachoeira Pequena, Rio Soninho, Jalapão.


Jalapão
Rio Soninho, Jalapão.



2. Pedra Furada: 

Pedra Furada, Jalapão.

Situada a cerca de 30 km da cidade de Ponte Alta (ou cerca de uma hora por conta da estrada de terra), é um imenso bloco de arenito esculpido lindamente pelo vento e chuva,  também formaram alguns buracos parecidos com portais. Uma trilha bem fácil te leva à parte mais alta da pedra, que tem uma vista sensacional para as florestas e para o Morro do Chapéu e onde, num dia de sorte, você pode ver os voos das araras azuis.


3. Cachoeira da Velha:

Jalapão
Cachoeira da Velha, Jalapão.

Localizada a  90 km de distância de Mateiros, é a maior cachoeira do Jalapão, com seus 20 metros de altura e uns 100 de largura. Com uma queda d'água intensa, mas  nada de banho por ali! É uma parada para apreciar essa maravilha (o que é aquela árvore majestosa entre as quedas?).
Jalapão
Cachoeira da  Velha, Jalapão.

4. Prainha do Rio Novo:

Prainha do Rio Novo, Jalapão.

Bem pertinho da Cachoeira da Velha fica a linda Prainha do Rio Novo, com areia fininha, muita sombra e água calma, potável e geladinha; isso mesmo, o Rio Novo tem água potável! Parada perfeita para um banho refrescante, uma relaxada (quem sabe uma sonequinha?) e um picnic! 




*Reserve seu hotel no Booking.com com alternativa de cancelamento grátis. Reservando pelos links ou banners deste blog recebemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso. Obrigada.



                      



5. Dunas do Jalapão: 

Tocantins
As famosas Dunas do Jalapão.

Principal cartão postal do Jalapão, as exuberantes dunas alaranjadas, meio douradas, de 40 metros de altura, são formadas pela erosão da Serra do Espírito Santo e são cercadas pelo cerrado, pelas veredas e pelos buritis. É um lugar mágico, cheio de energia!
O pôr do sol, uma explosão de azul, laranja e rosa, é um espetáculo à parte, deslumbrante e inspirador.
Tocantins
Dunas do Jalapão, Tocantins.



6.  Serra do Espírito Santo:

Essa imensa rocha arenosa com 32 km de extensão e 150 milhões de anos, fica a 23km em estrada de terra partindo da cidadezinha de Mateiros, no coração do Parque Estadual do Jalapão.
Jalapão
Serra do Espírito Santo, Jalapão.

Subi  de madrugada para ver o sol nascer lá no mirante. Não é uma subida nada fácil, íngreme, uns 30 graus, em torno de 1000 metros de trilha com algumas pedras soltas e bem altas, 250 metros de altura, 50 minutos até chegar no platô. Mas vale muito a pena e é inesquecível!!
Jalapão
Serra do Espírito Santo, Jalapão.

Ainda escuro, você vê a Via Láctea iluminando o céu. E aí vem ele, vermelho, majestoso,
anunciando o novo dia que chega. Logo, então, a paisagem muda e lá de cima, a imensidão, o cerrado, as veredas... e a chapada, desgastada pela erosão natural da chuva e do vento que transforma a rocha em areia e a leva para as dunas douradas ali aos seus pés ....
Jalapão
Serra do Espírito Santo, Jalapão.


Jalapão



7. Cachoeira do Formiga:

Jalapão
Olha a água da Cachoeira da Formiga, Jalapão.

Cerca de 30 km de Mateiros, escondidinha na mata nativa, numa propriedade particular de remanescentes dos quilombolas, está o lugar mais indescritível do Jalapão: a cachoeira do Formiga!
De água transparente e refrescante, em muitos tons de verde esmeralda e azul turquesa, areia branquinha e uma queda d`água que faz massagem relaxante, é impossível não amar esse lugar e querer ficar por lá durante horas!


8. Fervedouro Bela Vista:

Jalapão
Fervedouro Bela Vista, Jalapão.

Próximo a cidade de São Felix, é o maior e mais bonito fervedouro do Jalapão.
Imperdível, é impossível não cair de amores e ficar hipnotizado com a beleza da água azul cristalina e refrescante, que te faz flutuar!
Muito diferente de tudo o que conhecemos, um fervedouro é uma ressurgência hídrica, uma piscina natural que, devido à forte pressão de água sem vazão para o lençol freático, empurra a areia fininha para cima e não te deixa afundar de jeito nenhum! Uma experiência divertida e surpreendente.
Fervedouro Bela Vista, Jalapão.


Mas sabe de uma coisa... 


Os meus 8 motivos para conhecer o Jalapão misturam os lugares e sentimentos: porque ele é intenso, encantador, surpreendente, deslumbrante, inspirador, desafiador, emocionante e inesquecível!



Jalapão
Famoso capim dourado do Jalapão.





Como chegar: 


Pegar avião com destino a Palmas (capital do Tocantis)O Jalapão é uma área de 34 mil km²  do lado leste do Tocantins, fazendo fronteira com Bahia, Piauí e Maranhão. Fica a cerca de 190 km de distância de Palmas, a capital, e é constituído por alguns municípios, dos quais os mais relevantes são Mateiros, São Félix e Ponte Alta, locais que são usados como base de apoio e pernoite.

A partir de Ponte Alta, as estradas são de terra e mal sinalizadas e o sinal de internet é muito fraco ou inexistente. É bem fácil se perder por ali,  são 160 km assim, entre Ponte Alta e Mateiros.... Por isso, na minha opinião, a melhor maneira de ir até o Jalapão é sem dúvidas, contratando uma operadora local especializada, em que um condutor profissional te busca em Palmas em caminhonetes 4x4 (pode variar entre 4 a 6 passageiros, dependendo da operadora) e é responsável por todo o roteiro e infraestrutura de hospedagem, alimentação e transporte. Para quem tem jipe, é possível ir dirigindo até Mateiros ou Ponte Alta e, lá, contratar o condutor, que te acompanha “guiando”.


Lu obrigada pelo carinho e pelo capricho, seu post está divino e suas fotografias nem se fala, babei com tantos cenários lindos. Só tenho a agradecer por enriquecer o FourTrip com esse destinos sensacional. 





Adora viajar pelo mundo e tem dificuldade em fotografar?
 Selfies, tripé, peso extra, controle remoto, time, posiciona e sai correndo, pede alguém pra tirar? E nem sempre dá certo!
A dica é contratar a  travel photographer Lu Mattos , ela te acompanha ou te encontra e faz um ensaio fotográfico lindo no Rio de Janeiro ou no mundo!


Para maiores informações e contratar uma ensaio fotográfico com a Lu Mattos, segue os contatos:


⇒ Email: lumattosfotos@gmail.com e lumattos@lumattos.com.br

   ⇒ Site: www.lumattos.com.br
⇒ Facebook: @lumattosfotos
 ⇒ Instagram: @lumattosfotos
      ⇒ Celular: +55 (21) 99458-5508 .


Leia o post sobre nosso ensaio que realizamos com a Lu: Ensaio fotográfico no Rio de Janeiro.

Alugue seu carro na Rentcars.com, pague no Brasil sem cobrança de IOF. Reserve pelos banners do blog, recebemos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso. Obrigado.


Acompanhe nossas viagens pelas redes sociais:



    FACEBOOK  /   INSTAGRAM  /   G+ /  YOU TUBE






11 comentários:

  1. Fico pensando que as fotos já são bonitas, imagino como seja estar no local olhando ao vivo. Parabéns pelo post, sou louca para conhecer Jalapão e essas fotos me deixaram mais empolgada ainda. Beijos

    ResponderExcluir
  2. estive no jalapão em agosto e pra mim foi um dos lugares mais lindos que já vi na vida! vale todo investimento... ela descreveu perfeitamente: "é intenso, encantador, surpreendente, deslumbrante, inspirador, desafiador, emocionante e inesquecível!" <3

    ResponderExcluir
  3. Esse lugar é incrível, sempre tive muita curiosidade de conhecer, mas não tenho certeza se seria um bom passeio para crianças, o que acha? Eles curtiram muito na Chapada Diamantina e fizeram até algumas trilhas, será que estão prontos para o Jalapão?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se curtem trilhas e curtiram a Chapada, com certeza irão adorar a experiência.

      Excluir
  4. O olhar da Lu é fabuloso, as fotos ficaram maravilhosas. Acho que a minha preferida é a da Pedra Furada. Parabéns pelo trabalho. Adoraria ser acompanhada por ela numa das minhas aventuras.
    Abraço
    Ruthia

    ResponderExcluir
  5. Já vi algumas imagens do Jalapão, mas este post caprichou, parabéns! Dá vontade de comprar passagem pro próximo feriadão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, cada cenário lindíssimo. Obrigada bjos

      Excluir
  6. Eu adoro posts desse tipo, direto e objetivo, ainda mais quando o destino e as dicas encantam. Adorei. Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir

Compartilhe conosco suas dúvidas, comentários e dicas. Será muito importante para o Fourtrip. Terei o maior prazer em responder.