https://1.bp.blogspot.com/-Ys4JdB0kDwo/Xo3dGdZOu0I/AAAAAAAA5BQ/9Pu0-M_YO9g6j4Ul6ULZ5eprKVuNdQ__ACLcBGAsYHQ/s640/cairo%2B20.jpg

EGITO: DICAS E ROTEIRO DE VIAGEM

Egito e suas belezas: Pirâmides Gizé, Museu do Cairo e Luxor: voo de balão e Templo de Luxor.
Egito, uma das civilizações mais fascinantes da humanidade. A terra dos faraós, pirâmides, templos, tumbas e maior concentração de tesouros arqueológicos do mundo, foi o principal propósito da nossa viagem de 20 dias, passando por 3 continentes e 4 países.

Leia neste post todas as dicas, roteiro e descobertas sobre essa incrível viagem, uma jornada percorrendo o Egito de Norte a Sul, passando pelas cidades do Cairo, Aswan, Luxor e arredores durante o cruzeiro pelo Rio Nilo.


Egito: Tudo o que você precisa saber para elaborar seu roteiro de viagem.
Egito: Roteiro de viagem.  
Egito: O que conhecer ?


Egito, o maior e mais populoso país do mundo árabe, localizado em dois continentes: África e Ásia (na região de Sinai). Noventa e sete porcento de seu território é composto por deserto e noventa e três por cento de sua população vivem nas margens do Rio Nilo, a verdadeira fonte de sobrevivência de 6.600 km de extensão, considerado o maior rio em extensão  do mundo. Os ventos sopram para o Sul, porém suas correntes vão em direção ao Norte, desaguando no Mar Mediterrâneo. Sem o Nilo os egípcios não conseguiriam criar um império tão poderoso, monumentos tão gloriosos e uma história brilhante.
A civilização egípcia surgiu no IV milênio da era comum nas margens do Rio Nilo, e viviam unicamente da agricultura. Por volta do ano 4.000 a.C, formaram dois reinos: do baixo e alto Egito. Oitocentos anos depois, Menés, governante do alto Nilo, juntou os dois reinos e se tornou o primeiro faraó.

Como chegar no Egito:

Infelizmente ainda não existem voos direto para o Egito, isso significa que sua viagem precisará de uma conexão em alguns dos países da África, Europa ou Ásia. Nós optamos em voar pela Alitalia com conexão em Roma. Mas empresas como Emirates, Air France, Royal Air Maroc, Turkish Airlines e Lufthansa também oferecem voos. O lado bom é que você pode aproveitar para visitar outros países.

No nosso caso pegamos nossas passagens através do programa Smiles da Gol, pagando no sistema milhas + dinheiro, com a opção de múltiplas cidades.

 Voos Brasil- Egito / Turquia - Brasil:

✈ Ida: Rio de Janeiro- Cairo: Alitalia com conexão Roma.

✈ Volta: Istambul - Rio de Janeiro: Air Maroc com conexão de 18 horas em Casablanca
A empresa aérea fornece hotel e alimentação grátis, no caso de conexão com mais de 8 horas. Aproveitamos e fizemos um tour em na cidade de Casablanca. Mas essa história é longa e fica para outro post. O lado bom foi que conhecemos um pouquinho de Marrocos.


Só para ficar completinho, segue os deslocamentos entre cidades do Egito e outros países:

✔ Cairo- Aswan (sul do Egito): trem. Tem opção de avião que é bem melhor, leia adiante.

✔ Aswan - Luxor: Cruzeiro pelo Rio Nilo.

✔ Luxor- Amman (Jordânia): Voo Egypt Air com conexão no Cairo.

✔ Amman - Petra - Amman: Carro alugado

✔ Amman (Jordânia) - Kayseri (Capadócia na Turquia): Voo pela empresa turca Pegasus, com conexão em Antalya (Turquia).

✔ Kayseri - Goreme (Capadócia)- Kayseri: Transfer hotel.

✔ Kayseri - Istambul: voo Turkish Airlines



 Documentação para entrar no Egito:

➧ O país exige vacinação de febre amarela. A empresa aérea solicita a carteira internacional de vacinação, no momento do check-in ou no balcão de despache de malas, ou seja, sem ela você nem embarca. Lembre-se que a vacinação deverá ocorrer 10 dias antes da viagem.

➧ Passaporte com validade  mínima de 6 meses. Pode parecer besteira, mas ainda existe pessoas que não se liga nesse item. Para você ter uma ideia, conhecemos um brasileiro em Luxor que estava viajando sozinho. Não, não era uma opção e sim porque a namorada não conseguiu embarcar, por conta de seu passaporte restar apenas 3 meses para vencer.

➧ Não custa lembrar sobre o país de conexão. Verifique se precisa de visto ou no caso de  países europeus membros do Tratado de Schengen é necessário fazer um seguro viagem específico.

➧ Seguro viagem: Considero esse item obrigatório, porque com saúde não se brinca.


 Visto para entrar no Egito:


Pode ser adquirido aqui na Brasil (através do site da embaixada) ou na chegada do país (aeroporto, mais usado por turistas). Após a esteira de malas, você desce uma escada rolante e dá de frente para um enorme saguão onde encontramos o banco, a imigração, o RX e o portão de desembarque. Antes da imigração, você passa pelo banco (Travel Choice) para pagar e pegar o visto, valor de 25 dólares (Fev/2020). Leve o dinheiro trocado, porque não costumam dar troco. Eles te fornecem o visto em forma de adesivo, onde você mesmo cola no passaporte. 
No nosso caso, como tínhamos contratado a agência  Egito Viagens Amir Ali , que elaborou toda nossa viagem ao Egito, na descida da escada rolante, já havia um funcionário nos aguardando com os vistos na mão. Só foi necessário preencher um formulário com nome, número do passaporte, nome do hotel e colar o visto no passaporte. Neste caso pagamos 10 dólares a mais pelo serviço.

Depois passamos pela imigração e RX. Conosco foi super rápido porque estávamos com o funcionário da agência  Egito Viagens Amir Ali , que fez todo esse procedimento de check-in no aeroporto.

Vídeos da chegada no aeroporto e transfer:

 Aeroporto Cairo e recepção do funcionário da Egito viagens
Transfer aeroporto Cairo ao hotel


#fiqueligado: 

Esse processo de documentação, imigração e saída do aeroporto é um pouco confuso. Fato esse, que a agência contratada, passou a fazer questão de enviar um funcionário para nos auxiliar. E eu achei  super válido. Sabe porquê?

Quem nos acompanha, sabe que eu, Alê antes de elaborar um roteiro, vasculho tudo, leio todos os meios de comunicação possíveis e impossíveis.
Então... Li alguns relatos de viajantes no qual foram abordados por pessoas usando crachá e blusa branca, se passando por policiais. Pedem passaporte e dizem que você tem que pagar uma taxa. Segundo eles, Isso é golpe!
Também li que no RX podem abrir suas malas e investigar tudo, aliás, por conta da segurança, acho que isso é normal, pelos menos aconteceu em todos os países árabes por onde passamos nesta viagem. O pior é que alguns apenas falam árabe! Imagina a dor de cabeça!
Uma coisa interessante é justamente essa questão de segurança nos aeroportos. Já começa no transporte chegando no aeroporto. Antes mesmo de desembarcar, policiais com cães olham todo o veículo. A porta de entrada do aeroporto já nos deparamos com um RX e dependendo do local, vão encontrar mais 2,3 e até 4 RX até embarcar no avião.
Isso aconteceu em todos os países que passamos nessa viagem. Mas apesar do trabalho, acho prudente e necessário. Melhor exagerar no excesso.



Egito tem que ser com guia, porquê?


Egito
Guia Amir da agência Egito Viagens Amir Ali - Cairo- Egito

Vou confessar que não foi nada fácil digerir essa história de guia durante toda a viagem no Egito, porque nosso perfil são viagens independentes, mas no final cheguei a conclusão que foi a melhor decisão.

Entrar no país é uma burocracia, são várias revistas, o trânsito do Cairo é uma loucura (gente lá não tem sinal de trânsito, não tem contra-mão!?), podendo ser comparado a Índia. Me diz uma coisa, já ouviu  alguém relatar  que alugou carro no Cairo? 
Me diz por favor, porque esse cidadão é um sobrevivente!

Além disso, uma empresa experiente irá lhe proporcionará segurança e fornecerá uma verdadeira imersão na história do país. Acredito que não tem muita graça visitar os monumentos do país sem entender significados e a história. Sem contar na língua, muitos não falam inglês, daí fica difícil.

Depois de várias pesquisas em redes sociais e sites, chegamos no Amir, dono da empresa  Egito Viagens Amir Ali , egiptólogo, fluente em português, inglês e espanhol. Sim, um egípcio falando perfeitamente o português do Brasil, com experiência de 20 anos no setor de turismo e atendimento a brasileiros. Foram alguns meses de conversas, dúvidas e debates, até que cheguei a convicção que o Amir seria a melhor escolha para nos acompanhar nessa jornada pelo Egito


Cairo
Guia Amir dando uma verdadeira aula sobre a história das Pirâmides de Gizé- Cairo- Egito.
Veja vídeo completo no link: Apresentação guia Amir

Foi planejado um roteiro e pacote de acordo com nosso perfil e desejos. Ficou deste jeito:

Tours no Cairo com almoço (excluindo bebidas).
✔Entradas das atrações pagas.
✔Guia em português.
✔Transporte aeroporto e passeios.
Cruzeiro 3 noites Rio Nilo: De Aswan a Luxor em embarcação 5* deluxe e pensão completa (excluindo bebidas e gorjetas).
✔ Transporte, passeios e entradas aos templos durante o Cruzeiro. 
✔Passagem trem dormitório Cairo- Aswan.

Forma de pagamento: Em dólar, 30% de entrada (via transferência pela West Union , é mais em conta) e o restante pagamos na chegada ao Egito.

Contatos:  Egito Viagens Amir Ali:
Instagram: @egito_viagens_amir_ali
Facebook: @guiaamirali
Whatsapp: +20 110 089 1480 (Amir)
E-mail: contato@egitoviagens.com.br
Site: egitoviagens.com.br



Quando visitar o Egito:


É recomendável escolher o período entre as estações do outono e inverno, quando a
temperatura fica mais amena, podendo variar de 12 a 32 graus, dependendo da região. Segundo nosso guia o verão é um calor sufocante, podendo chegar a 48 graus. 
Deserto do Egito: temperaturas variáveis, dependendo da estação do ano.


Na primavera entre os meses de abril e maio pode ocorrer tempestade de areia, a ponto de voos internos serem cancelados. Fique atento ao período do Ramadã, que dura um mês e várias atividades e atrações são fechadas.



Hospedagem no Egito:


Percorremos o país de norte a sul. Entretanto foi necessário reservar hotéis em apenas duas cidades: Cairo e Luxor, este último preferimos ficar um dia a mais, além do cruzeiro, mas alguns turistas já saem do cruzeiro direto para o aeroporto. Na demais cidades ficamos hospedados no navio do cruzeiro.
A agência oferece a opção de incluir os hotéis no pacote, porém como tínhamos reservado com bastante antecedência, preferimos contratar sem hotel mesmo.


Dicas de hotéis no Cairo/ Onde se hospedar no Cairo:


A questão de escolher o local de hospedagem gera uma certa polêmica, porque li várias recomendações de hotéis luxuosos localizados na cidade do Cairo, na margem do Rio Nilo.
Porém, entretanto, todavia, nosso grande sonho era conhecer as Pirâmides de Gizé, e assim, vivenciar o máximo daquele lugar e vista incrível, correto!
Por conta disso, nossa escolha foi em Giza, em um hotel de frente (melhor, na cara) para as pirâmides. Mesmo sabendo que Giza é uma região mais simples, distante 15 km do Cairo e sem tanto luxo. Mas isso não quer dizer que essa região não tem bons hotéis, pelo que vi, tem alguns. A certeza que tenho é que fizemos a melhor escolha, preço bom, ótima localização e limpo.


Nosso hotel no Cairo:

Great Pyramids Inn

O que dizer desse hotel? Foi a melhor escolha que poderíamos fazer! 
Para nós a localização é nota 1.000, na frente (cara) das pirâmides, suítes com tamanho razoável, limpo, bonitinho e todo decorado no estilo egípcio. 
Dá uma conferida no destaque dos stories do nosso Instagram @blogfourtrip sobre o hotel, segue o link:
 Vídeo sobre o hotel Great Pyramids Inn em Giza.
O melhor vem agora! O restaurante onde era servido o café da manhã, está localizado no terraço (com 2 andares). 
Egito
Pirâmides de Gizé:  vista do café da manha do hotel.

A qualquer momento do dia tínhamos aquela vista incrível das pirâmides. Todos os dias a noite acontece o show de luzes das pirâmides, esse evento é pago, porém nós não precisamos ir até lá, porque assistíamos de camarote, com vista privilegiada do terraço do hotel, melhor ainda, de graça. Para você ter uma noção, escutávamos até o som do show.

Confere o vídeo: Show de luzes das pirâmides visto do hotel

Veja foto mais adiante.

Além do mais, nos dias em que estivemos hospedados neste hotel, não precisávamos sair para jantar. Ficávamos no restaurante mesmo. Sem contar que em uma das noites, ofereceram de cortesia um jantar egípcio para todos os hóspedes, só pagamos a bebida.

Sinceramente, nós amamos esse hotel, é simples, não tem área de recreação como piscina, porém maravilhoso. E o que é bom, vale compartilhar.


Dicas de outros hotéis em Giza:

Giza Pyramids View Inn : Localizado ao lado do nosso hotel, tem a mesma vista.

Marriott Mena Hotel : Localizado em Giza, um dos hotéis mais bonitos e sofisticados de Giza. Estampa várias fotos instagramáveis do Cairo.

Giza Pyramids Inn : Ao lado do nosso hotel.

Pyramids Eyes Hotel

Mercure Cairo

Egypt Pyramids Inn

Pyramids Valley



Dicas de hotéis no Cairo:

Sofitel Cairo Nile

Sheraton Cairo Hotel

Steigenberge Hotel El Tahir Cairo

Four Seasons Hotel Cairo at Nile


*Reserve seu hotel usando os banners do blog e os links deste post,  ganhamos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso. Obrigada.




Moeda do Egito:


Libra egípcia (EGP)
1 dólar= 15,86 (Fevereiro/2020).



O que conhecer no Egito?


Cairo, Aswan, Luxor, Cruzeiro do Rio Nilo e arredores. Percorremos o país de Norte (capital) a Sul (quase fronteira com Sudão). Foram mais de 1.000 km rodados, entre trem, barco e avião. O país tem cenários magníficos, na real acho que precisaríamos de mais 10 dias para conhecer todos os lugares que desejávamos. Incluiria a cidade de Hurghada no , Deserto Branco e Canal do Suez.
Egito
Mapa do Egito e os lugares por onde passamos.

A seguir um breve resumo das cidades e atrações que conhecemos, posteriormente publicaremos posts específicos sobre cada cidade e atração. Aguardem!



Cairo:


Egito
Maravilhas do Cairo: Pirâmides de Gizé, Pirâmide Sakkara, Museu do Cairo e Mesquita Mohammed Ali

A capital do Egito, também foi  e a nossa porta de entrada no país. Visitar o Cairo é vivenciar e conhecer a essência de uma das civilizações mais antigas do mundo árabe. E apesar de todo controle de segurança e trânsito caótico, é preciso conhecer as belezas e história dessa cidade incrível. É lá que encontramos o principal cartão postal do país, as Pirâmides de Gizé.


O que conhecer no Cairo:


⏩ Pirâmides de Gizé: O complexo inclui as pirâmides de Quéfren, Queóps e Miquerinos acompanhado da  Esfinge de Gizé.

⏩ Show de luzes das Pirâmides de Gizé: acontece todos os dias de 7 as 9 da noite. #vaiqueédemais.
Egito
Show de luzes das pirâmides Gizé visto do rooftop do hotel.


⏩ Museu do CairoOnde encontramos a maior coleção de objetos do Egito Antigo. Uma verdadeira imersão na história dessa civilização. Imperdível.


Cairo
Museu do Cairo- Egito


Memphisprimeira capital do Egito, atenção especial ao Templo de Ptah, onde encontramos a estátua deitada de Ramsés II com 14 metros de comprimento. Localizada a 24 km do Cairo.

⏩ Pirâmide de SakkaraA primeira pirâmide escalonada e do Egito.


Egito
Pirâmide Sakkara- Egito


⏩ Cidadela do CairoCidade fortificada localizada no alto de uma colina. 

⏩ Mesquita Mohammed Ali ou Mesquita de Alabastro: localizada dentro da Cidadela.
Cairo
Mesquita Mohammed Ali ou Alabastro- Cairo


⏩ Bairro Copta: Onde encontramos a Igreja Cristã Copta, seus pilares foram erguidos no lugar onde a Sagrada Família morou por 3 meses, durante sua passagem pelo Egito.


⏩ Mercado El KhaliliÉ o grand bazaar do Cairo, centenas de lojinhas distribuídas por vários ruas, onde é possível encontrar de tudo. Lembre-se, a regra lá é negociar.


⏩ Museu de Papiros: como é feito os quadros de pinturas a partir dessa  erva aquática milenar, encontrada no Rio Nilo.



Post completo: Roteiro 3 dias no Cairo


Aswan



Cidade localizada no Sul do Egito, nas margens do Rio Nilo, aproximadamente 950 km do Cairo. No passado essa região chamava-se Alto Egito, por conta das correntes do Rio Nilo percorrer a direção SulNorte, até chegar no Mar Mediterrâneo. Foi nosso ponto de partida para o cruzeiro pelo Rio Nilo, rumo a cidade de Luxor.

Leia também: Roteiro cruzeiro Rio Nilo

O que conhecer em Aswan:


Cairo
Aswan: Templo Philae e Templo Abul Simbel


⏩ Templos de Abul Simbel:

Localizado a 3 horas de Aswan. Construído em 1284 a.C por Ramsés II, faraó que governou por 60 anos durante século XVIII a.C. No local encontramos dois templos: Ramsés II e  da Rainha Nefertari. Apesar da distância vale muito a pena conhecer, não só pela beleza, mas pela história incrível do local.



⏩Templo de Philae:

Construído por volta de 300 a.C e dedicado a Ísis, a deusa da fertilidade e do amor, uma das principais do Egito. 



Vila Núbia

Passeio de barco até o vilarejo do povo Núbio localizado próximo a fronteira entre Egito e Sudão. O local tornou-se uma atração turística pelas suas casinhas coloridas e por conservarem até os dias de hoje suas tradições e costumes.

Egito
Visita a uma casa Núbia



Cruzeiro Rio Nilo:

Egito
Cruzeiro Rio Nilo

Navegar pelas as águas do maior rio do mundo, fonte de sobrevivência de vários países da África, foi uma das experiências mais incríveis dessa viagem.
Fizemos o cruzeiro de 4 dias sentido Aswan ➨➨Luxor (dependendo do dia, você pode fazer o sentido inverso), passando por templos e vilarejos localizados nas margens do Nilo. O sistema é all incluse, com bebida e gorjetas à parte.

Passeios realizados no cruzeiro:

  Templo de Philae, Vila Nubia e Templo de Abul Simbel - Em Aswan
⏩  Templ Kom Ombo e Templo de Edfu - Entre Aswan e Luxor.
Templo de Karnak e Templo de Luxor, Vale dos Reis, Colossos de MemmonTemplo de Hatshepsut - em Luxor.

Tanto em Aswan, quanto em Luxor, ficamos hospedados no navio do cruzeiro. 

Post completo:  Roteiro cruzeiro Rio Nilo

Luxor: 


Egito
Luxor: Templos de Luxor e Karnak, Colossos de Memmon e Vale dos Reis.

Localizada aproximadamente 650 km do Cairo, Luxor  é parada obrigatória, a cidade é onde encontramos a maior quantidade de tesouros arqueológicos do Egito. No período entre 1550 a 1070 a.C, Luxor era a capital do império do Novo Egito e chamava-se Tebas.

Principais atrações de Luxor:

⏩ Templo de KarnakÉ o maior templo do Egito,  construído por Ramsés II (ficou 60 anos no trono) em homenagem ao deus do Sol, Amón ou Amon-Rá.

 Templo de LuxorLocalizado no centro de Luxor no lado leste da cidade. Foi construído entre 1500 a 1200 a.C entre os reinados de Amenhotep III e Ramses II.

⏩ Vale dos Reis: Onde encontramos as tumbas de faraós.

⏩ Colossos de MemmonDois monumentos de 14 metros de altura, construídos a 3.400 anos. São duas estátuas representando Amenófis III sentado em seu trono, consideradas guardiãs do templo funerário do faraó.

Templo de HatshepsutTemplo mortuário mais famoso do Egito. Construído pela primeira mulher e uma das poucas faraós do Egito, Hatshepsut, que governou por quase 21 anos.

Leia o post: Atrações em Luxor


As atrações acima realizamos a bordo do cruzeiro, no pacote da agência  Egito Viagens Amir Ali.

No último dia o Amir nos deixou no hotel. Depois de 7 dias, seus serviços encerravam-se neste momento, porém nós preferimos passar mais um dia e duas noites na cidade de Luxor, no intuito de descansar, aproveitar um pouco mais as belezas e riquezas históricas da cidade e fazer as últimas compras de souvenirs.

Dia extra em Luxor:

⏩ Voo de balão em Luxor:

Contratamos diretamente pela internet, pagando no cartão, em real sem necessidade de pagar IOF. O valor saiu aproximadamente 65 dólares por pessoa. A empresa nos buscou no hotel as 5 da manhã. Fomos de van até o porto no Nilo, pegamos o barco, onde serviram um café da manhã e cruzamos até o lado Ocidental, pegamos uma nova van até o local onde acontecem os passeios de balão. 
Uma adrenalina com mistura de emoção. A dica é #vaiqueedemais
O passeio termina com a van da empresa nos deixando no hotel as 9:30 da manhã.


Egito
Voo de balão em Luxor- Egito

⏩ Circulamos pelo lado oriental de Luxor, nos arredores do Templo de Luxor.
⏩ Templo de Luxor, durante o dia.
⏩ Grand Baazar de Luxor: Localizado em frente o Templo de Luxor. O local é ideal para comprar lembranças. A ordem ali é negociar!


Dica de hotel em Luxor / Onde se hospedar em Luxor.

Antes de escolher o hotel em Luxor, é muito importante decidir o lado da cidade que você ficará hospedado. Como expliquei anteriormente, Luxor é uma cidade cortada pelo Rio Nilo, de um lado fica a parte Oriental e do outro lado a parte Ocidental.
Apesar do lado Ocidental oferecer mais hotéis e com preços mais em conta, preferimos ficar hospedados no lado oriental, especificamente próximo do centro, assim poderíamos caminhar até as principais atrações (orla do Nilo, templos e o comércio), sem a necessidade de pegar um barco para atravessar o Rio Nilo. Além disso o aeroporto também fica no lado oriental.

Como ficaríamos apenas duas noites, escolhemos um hotel simples, com boa localização e  preço bem em conta.

New Pola : Apesar da ótima localização, o hotel não nos agradou. Parece bem antigo e sem preservação. As suítes tem mobília antiga, toalhas encardidas e iluminação das partes comuns do hotel são fracas. 

Hotéis que recomendo do lado Oriental: 


Roteiro de 9 dias no Egito:


Dia 1:


⇨ Chegada aeroporto do Cairo: O funcionário da agência Egito Viagens nos aguardava no saguão de imigração. Com sua assistência, adquirimos os vistos, passamos na imigração e RX. Logo depois pegamos o transfer privativo da empresa em direção ao nosso hotel em Giza.

⇨ Check-in do hotel Great Pyramids Inn . Encontramos o Amir e combinamos sobre horários de passeios e sobre o roteiro.

⇨ Noite: Jantar e show de luzes das pirâmides, visto do restaurante do hotel.


Dia 2: 


Manhã:

⇨ Complexo de Gizé:

Pirâmides Quéfren, Queóps e Miquerinos.

⇨ Esfinge de Gizé

⇨ Visita a uma fábrica de papiros:
Uma espécie de erva aquática encontrada no Rio Nilo que com preparo pode ser pintada e escrita, virando vários quadros egípcios.

⇨ Almoço em um tradicional restaurante no Cairo.




Tarde: 

⇨ Memphis

⇨ Templo de Ptah

⇨ Pirâmide de Sakkara



Dia 3:


Manhã:


⇨ Museu do Cairo

⇨ Bairro Copta



Almoço


Tarde:

⇨ Cidadela Salah el Din ou Cidadela do Cairo

⇨ Mesquita Muhammed Ali ou Mesquita do Alabrastro

  Bazar Klan El Khalili


Noite: Estação de trem - Viagem trem com dormitório: Cairo - Aswan.


➧ Viagem de trem no Egito!!!!

Egito
Estação de trem Cairo: uma confusão danada.

Caramba, neste mundo de viagens, foi uma das piores experiências da minha vida. E olha que o guia Amir disse para não fazer essa loucura. Porém depois de ler vários posts de viagem, contando que a experiência era tranquila, resolvemos contrariar o guia e encarar essa aventura, já que nunca utilizamos esse meio de transporte em viagens longas. Além disso como a viagem é noturna (dura aproximadamente 12 horas), economizaríamos uma diária de hotel. E olha que a diferença em relação a passagem aérea Cairo-Aswan  não era absurda.
Gente foi um grande pesadelo e o maior perrengue da viagem. O trem e os dormitórios são sujos, mofado, comida péssima (servem jantar e café da manhã, já incluído no ticket). 
Pensava assim: vai ser tranquilo, tem cama, vamos dormir a noite toda e acordaremos pela manhã no destino. Putz...
Sem contar com a estação de trem no Cairo, uma confusão só, a mesma estação serve para tens com viagens dentro e fora da cidade. Se o Amir não estivesse conosco, com certeza não saberíamos qual trem pegar, porque falam tudo em árabe.
O trem balança o tempo todo, parece que vai sair do trilho, e quando passa por outro trem no sentido contrário, parece um filme de terror, minha impressão é que os dois trens iriam bater de frente.
Parecida filme de terror!
Para você ter uma ideia, o Amir fez questão de ir conosco, de tanta preocupação.
Detalhe: o trem é o transporte no Egito com maior número de acidentes. Claro que não li isso, caso contrário não iríamos!
Não caiam nessa furada!!!! Vá de avião!
Quando chegamos, só sabia agradecer por estarmos vivos.
Fica a lição!



Dia 4:


Manhã:

 ⇨ Chegada em Aswan

⇨ Templo de Philae

⇨ Check-in cruzeiro Rio Nilo

Almoço no navio.


Tarde:


⇨ Vila Núbia


Dia 5:

Manhã:

⇨ Templos Abul Simbel


Almoço no navio, momento em que o navio parte de Aswan.


Final da tarde:


⇨Templo Kom Ombo e Crocodile Museum


Dia 6:     

     

Manhã:

⇨ Templo de Edfu


Tarde: chegada em Luxor.


⇨Templo de Karnak

⇨ Templo de Luxor



Noite:
Retornamos para o porto de Luxor e passamos nossa última noite no navio/cruzeiro.



Dia 7:


Manhã: Check out no cruzeiro.

⇨ Colossos de Memmon

⇨ Vale dos Reis

⇨ Templo de Hatshepsut



Tarde:

⇨ Grand Baazar Luxor



Dia 8:


Manhã:


⇨ Voo de balão em Luxor


 Tarde:


⇨ Templo de Luxor

⇨ Grand Baazar Luxor


Dia 9 :


Manhã: Aeroporto de Luxor, partida do Egito.


É o Egito deixando saudades e entrando para lista dos nossos destinos queridinhos.

Próxima parada Jordânia, mas isso é história para outro post.



Dicas de viagem Egito: 



💬 Carteira Internacional do Estudante (ISIC):

O país oferece meia entrada para estudantes em templos e monumentos.
Basta entrar no site, preencher o formulário, enviar a documentação e pagar o valor de 65 reais (Janeiro/2020). Eles enviam o documento através do correio.

💬 Cerveja: Os egípcios não são adeptos a bebidas alcoólicas. Por conta disso, é difícil encontrar cerveja (bebidas alcoólicas em geral) em muitos restaurantes, e quando achávamos, era bem caro. Pra se ter uma ideia, uma garrafa de 15 ml sai em torno de 20 reais. Tem uma cerveja chamada Sakara, nome da primeira pirâmide do Egito.

💬 Deseja conhecer o Mar Vermelho?
Então coloque mais três dias no seu roteiro e conheça a cidade de Hurghada, localizada a 3 horas de Luxor. Tenha certeza que vale a pena.

Nós desejamos demais, tanto que pretendemos voltar um dia  para preencher esse vazio. Só não fomos dessa vez porque visitamos o país no inverno e achamos que não seria tão proveitoso, já que a região é um destino de praia.


💬 Fique atento, pois vários templos do Egito, só autorizam a entrada com tripé (fotos) pagando um valor extra, que não é barato.

💬 Pontos positivos da viagem:

1- Ter contratado um guia, em especial o Amir da agência  Egito Viagens Amir Ali. Agora mais do que nunca tenho certeza que Egito tem que ser com guia.
Cairo
Família 4trip com o guia Amir. Obrigado pelo carinho e cuidado!



2- Cidades do Sul do Egito: Aswan e Luxor.

3- Hotel com vista para as Pirâmides de Gizé .

4- Cruzeiro do Rio Nilo, foi incrível.

5- Voo de balão em Luxor, inesquecível.


💬 Pontos negativos:

1- Trânsito no Cairo: é caótico, na minha opinião, não se atreva em alugar um carro!

2- Assédio de vendedores e pessoas pedindo dinheiro. Chega irritar.

3- Viagem de trem do Cairo para o Sul do Egito, uma das piores experiências de viagem. #vaideavião.


💬 É seguro visitar o Egito?

Só posso afirmar que é muito seguro, desde que você faça um planejamento correto, e isso não é nada fácil.
Diferentemente de outros destinos, no Egito é recomendável contratar um guia experiente. Não é fácil chegar num país com língua árabe, onde o procedimento de imigração é complicado e sua capital tem um trânsito caótico e louco. 
Vale a pena respeitar os costumes e tradições do país.


💬 Acompanhe os próximos posts com todos os detalhes sobre os lugares e atrações que visitamos.



💬 Você também pode conferir toda nossa viagem no nosso perfil do Instagram @blogfourtrip , onde você encontra todos os vídeos e explicações no destaque e fotos no feed.


Egito
Instagram blogfourtrip



💬 Você deseja deixar esse post guardadinho para quando precisar, bastar salvar no  Pinterest Fourtrip


Pinterest Fourtrip



*Reserve seu hotel usando os banners do blog e os links deste post,  ganhamos uma pequena comissão e você não pagará nada a mais por isso. Obrigada.




Acompanhe nossas viagens pelas redes sociais:



      FACEBOOK  /   INSTAGRAM  /  

2 comentários:

  1. Ri muito sobre sua aventura do trem. Eu fui de avião do Cairo para Aswan e foi a melhor coisa que fiz,aprendi a não fazer esse suicídio depois que viajei de Paris para Barcelona em um trem pinga pinga noturno. Para quem pensa ir ao Egito a ida até Aswan tem que ser feita de avião, esqueça o trem, é um tipo de economia que não vale a pena. Vivendo e aprendendo.
    Bjs
    Carla ( Drica)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São histórias de viagens que servem de lição. Pois viajar sempre será um aprendizado. Você fez a melhor escolha. Trem nunca mais. Obrigado Dri, bjos

      Excluir

Compartilhe conosco suas dúvidas, comentários e dicas. Será muito importante para o Fourtrip. Terei o maior prazer em responder.